Capitulo 5 - Eu sou Gay?

Olá Olá Olá!

Trago nesse post mais um capitulo!

Mas antes de tudo gostaria de agradecer ao vossos comentários,que me animaram muito.É bom saber que vocês ainda leem a fic

Espero que gostem desse capitulo.

Comentem!

__________________________________________________________________________________________________________________

 

Alguns meses passaram-se,e com isso várias mudanças aconteceram.Selena tornou-se a mais nova garçonete do Central Perk,e para ser honesta,ela era péssima nisto.Nick conseguiu um papel numa famosa novela.E Miley havia mudado de apartamento.

Com Taylor,este agora se encontrava na casa de sua ex-mulher Carol,cuja gravidez estava mais visivel,para tentar um método que o médico de Carol havia recomendado.Este havia dito que seria bom para o bebê ouvir a voz dos pais,para ir se acostumando.

 

Taylor:(olha para a barriga de Carol)Sabe,eu não sei bem o que dizer...pra um feto.

Carol:Apenas diga qualquer coisa Taylor.

Taylor:Ah,eu,posso dizer coisa sobre dinossauros.

Carol:Não queremos um feto entediado,Taylor.Quem sabe,você pode cantar pra ele.

Taylor:Cantar?

Carol:A Susan canta...(interrompida)

Taylor:(a cantar)Reme,reme seu barquinho,reme...(interrompe-se quando sente o bebê chutar)Você sentiu isso?

Carol:(a sorrir)Senti.(passa a mão na barriga)Cante mais.

Taylor:Ok,ok.(pensa um pouco)Ah já sei.(a cantar) O Taylor é um bom companheiro,o Taylor é um bom companheiro,mais sua mãe deve discordar bebê,já que ela me trocou por uma lésbica.O Taylor é um bom companheiiiirooooooo,e...(interrompe-se quando vê Susan a entrar)Meu dia acabou de acabar.

Susan:Olá Taylor.Oi baby.(beija Carol)O que estam fazendo?

Taylor:(ouve seu celular a tocar)Eu já volto.(vai a cozinha e atende-o)Sim?.......(chocado)Você tá falando sério?....O que aconteceu?....Morta?!....Eu já estou indo.(desliga o celular e volta para a sala)

Carol:(a falar para Susan)O bebê chutou!

Susan:(coloca as mãos na barriga de Carol)Que incrivel.Como?Quando?

Carol:Assim que ele ouviu a voz do Taylor.Foi tão estranho.

Taylor:É neh.(tira as mãos de Susan e beija a barriga de Carol)Eu tenho que ir.

Carol:Aonde?

Taylor:Ao hospital.Ver minha vó.

Carol:Nana?Ela está bem?Diz pra ela que eu..(interrompida)

Taylor:Ela está morta.

Carol:(suspresa)Jura?Nossa,Tay,que chato.

Taylor:Eu sei.

Carol:Eu sinto muito.

Taylor:Tudo bem.Eu já vou indo.(beija-lhe a testa)

Susan:Taylor.

Taylor:Susan.(sai)

 

Dito isso,Taylor sai da casa de sua ex-mulher disparado,e vai para o hospital mais próximo,onde seus pais e Demi o aguardavam na sala de espera;

 

Taylor:(preocupado)E então?

Judy:Declararam ela morta agora a pouco.(abraça-se a Harry)

Harry:Eles fizeram tudo o que podiam.

Demi:Nossa Nana...

Taylor:(abraça-a)Nós podemos ve-la?

Judy:Quarto 310.

Taylor e Demi vão ao tal quarto,quando entram,veem sua vó deitada na cama,sem nenhuma expressão.

Demi:Olha pra ela.Tão relaxada e...

Taylor:Morta.

Demi:É estranho,só de saber que eu nunca mais vou ouvir ela me chamar de "Demitria".(passa a mão na face de sua avó)Adeus Nana.

Nana:(abre os olhos)Demitria.

Demi:Jesus!(pula de  susto e olha para a avó que estava com os olhos abertos)

Taylor:(fica espantado com o que vê)

Demi:(assustada olha para Taylor)Me diz que você está ouvindo isso também.

Taylor:(sussurra)Pensei que ela estivesse morta.

Demi:(sai do quarto a correr)

Judy:(procupada) O que aconteceu?

Demi:Eu acho que a Nana não morreu.

Harry:Do que você está falando?

Demi:Ela falou comigo.Pode perguntar ao Taylor.Ela não morreu!(ouve o barulho da máquinha de batimentos)

Taylor:(a sair do quarto)Acho que agora ela morreu,mesmo.

  

Com Joe,este no trabalho,estava a conversar com uma de suas secretárias;

 

Mary:Então...como vai a vida?

Joe:Ah você sabe..normal.

Mary:Você tá afim de um encontro?

Joe:Como?

Mary:Eu perguntei se você tá afim de um encontro.Sexta à noite?

Joe:(suspreso)Ah,claro.Com você?

Mary:(ri)É claro que não!Com um colega meu,ele é um cara incrivel e...(interrompida)

Joe:Você disse "cara"?

Mary:Disse.Por que?

Joe:Mary,desculpe te decepcionar,mas eu sou hetero.

Mary:(cobre a boca com as mãos)Oh Deus,me desculpe.Eu pensei que você fosse gay.

Joe:Tudo bem,você não é a primeira que acha isso.

Mary:Eu sinto muito mas,sei lá,eu sempre te imaginei com caras...tipo o Barry.

Joe:Barry?Não acha ele meio gordo?Eu to mais pra um Jhon,não acha?

Mary:Oh não.O Jhon é demais pra você.

Joe:(ofendido)Ei,eu posso arrumar um Jhon.(percebe o que havia dito)Se eu quisesse...

 

Mais tarde,Joe volta para casa,ainda intrigado com o fato de todos acharem seu jeito meio...estranho.Ele tinha certeza que era hetero,mas o que fazia as pessoas pensarem o contrário?Afinal,ele não tinha culpa de seu pai ser...diferente.Enfim,este vai ao apartamento de Demi (onde todos os outros estavam,como de costume)

 

Nick:Só me diz o porque!

Demi:Nick,eu não vou beijar a Miley enquanto você assiste, comendo pipoca!

Nick:Então você não quer que eu coma pipoca?

Taylor:Nick,eu to bem aqui,e você pede para minha irmã beijar a Miley?

Nick:Cara,não se preocupa...você pode assistir também.

Joe:(a entrar)Posso fazer uma pergunta?

Miley:Você já fez.

Joe:Outra.(senta-se)sabe...hoje no trabalho,uma das minhas secretárias,tentou me arrumar um encontro...

Demi:Isso não é bom?

Joe:Com um cara.

Todos:Oooh.

Joe:É!Eu sei que posso parecer meio inseguro,mas eu não pareco gay,certo?

Demi:Bom...

Joe:(levanta-se)Oh Meu Deus! Eu sou gay?!

Demi:Não,você não é gay,só parece.

Miley:Você não pode culpar sua secretária,Joe,todos nós achamos isso,quando te conhecemos.

Joe:(irônico)Nossa Miley,suas palavras fazem com que eu me sinta muito melhor.

Nick:Por que isso é importante?Você sabe que você é hetero.Ponto final.

Joe:Não,eu quero saber porque todos me acham gay! Agora me digam ,por que? (diz num tom alterado)É por causa da minha mãe problematica,que fugia com vários homens de 5 em 5 dias?Ou é pelo meu pai,que se assumiu,por palavras dele "uma borboleta boa pra voar,que não quer ficar preso a uma mulher maluca que foge com todos meus paqueras"?!

Demi:Não acho que seja por isso...

Selena:Talvez seja pelo seu cabelo sabe...

Miley:E o fato de você ser meio blah!

Joe:"Blah"?

Miley:É sabe...UUUHUHUUHUHU!

Joe:(abre a porta)Oh Meu Deus,eu acho que vou tomar um banho de espuma,e fazer as unhas.

Nick:Cara,não leve tão a sério.

Joe:Como não?Eu sou gay! Eu sou gay!Eu ...(interrompe-se quando vê um gato a entrar no apartamento)Quem pediu um gato?

Miley:EU!(pega o gato no colo)Ele leu minha mente!

Selena:Miley?

Miley:Você é coisa mais fofa.

Demi:Não acha que o dono está procurando-o?

Miley:Talvez sim,talvez não.(a olhar para o gato)Você é lindo! Vou te chamar de Kitty,te comprar um vestido e tudo mais.

O gato salta do colo de Miley e sai pela porta da frente,que ainda estava aberta.

Miley:Ingrato!

 

Então derrepente a energia da cidade acaba,e N.Y fica ao escuro;

 

Demi:Xii,vou pegar algumas velas.

Selena:Acho melhor encontrarmos o dono do gato,ele deve estar preocupado.

Joe:Miley,acabou a energia na cidade,acha que o dono está preocupado com um maldito gato?!

Miley:Ei,só porque a sua secretária te arrumou um encontro com o Jhon,não desconte em nós!

Joe:Não,o Jhon não.Ela disse que ele é demais pra mim.

Miley:Sel,eu vou com você.

Nick:Vai levar uma lanterna?

Selena:Não,Nick,eu vou fazer luz com a ponta do meu dedo,tipo,o E.T!

Nick:Nunca...mais nunca zombe dos E.T's.Eles podem te ouvir.

Demi:Nick,você tem ido ao terapeuta esses dias?

Nick:Sim.Por que?

Demi:Não tá adiantando.

Selena:(a pegar uma lanterna)Eu vou atrás desse maldito gato,logo.

 

Selena e Miley saem a procura do tal gato pelos corredores do prédio,que estavam totalmente escuros.

 

Selena:(a andar pelos corredores com uma lanterna,acompanhada de Miley)

Miley:Aqui gatinho.Aqui gatinho.

Selena:(vê o gato a entrar em um dos apartamentos)Achei.(vai até este,e bate na porta)

XxX:(a abrir a porta)Olá?

Selena:Oi,ah nós vimos um gato a entrar ai,e se não for seu eu ...(interrompe-se quando olha para o rapaz que estava a segurar o gato)Ah...ele é seu.(sorri e estende-lhe a mão)Sou Selena.

XxX:(beija-lhe a mão)Um lindo nome,para uma linda dama...sou Paolo.

Selena:(cora,ao olhar para o rapaz e notar sua extrema beleza)

Miley:E eu sou Miley...mas vocês não se importam mesmo.Eu vou voltar pro apartamento.(pega a lanterna da mão de Selena)Divirta-se!

Selena:Espera!(diz para Paolo)Você quer ir ao nosso apartamento?

Paolo:Claro.

 

Estes ao caminho do apartamento vão conversando e conhecendo-se melhor,quer dizer Selena à Paolo,e Paolo à Selena,Miley ficava totalmente excluida,mas ela pouco se importava;

 

Selena:(a entrar)Pessoal,este é o Paolo,ele é francês,mas fala um pouco da nossa língua.(aponta para cada um dos amigos)Esses são Demi...Miley...Joe...Nick e Taylor.

Todos:Olá!

Taylor:(ri sem graça)Quando ?Como vocês...?

Selena:Ele é o dono do gato.Não é engraçado?

Taylor:Hilário.(para Joe)Não é hilário?

Selena:Vem aqui...(puxa Paolo pelo braço e leva-o até a sala)

Nick:E agora?

Taylor:(a olhar para Selena e Paolo a conversar)E agora digo eu.

Joe:Esse cara é um bom partido.Bonitão,extrangeiro.Ele tem o pacote completo.

Taylor:O que?

Joe:Não que eu tenha experiência...sabe...neh Nick?

Nick:Me deixe fora disso.

Demi:E o que você vai fazer?Ela parece toda derretida por ele.

Taylor:Obrigado por me dizer o óbvio.Acho que não a nada a fazer.Só esperar até eles terminarem.

Miley:Eles nem começaram ainda.

 

A energia volta;

 

 

 

Miley:(a olhar para os dois)Retiro que disse.

Selena:(separa-se)Eu ja volto (vai até Demi)OMG

Demi: O que foi aquilo?

Selena:Eu sei que ele é um estranho,e normalmente eu não faço isso mas...OMG!

Taylor:Você já disse isso.(sai)

Selena:Tudo bem com ele?

Demi:Uma famosa dor,chamada dor de cotovelos.Mas continua..

 

(...)

 

Taylor:(vai até Paolo)

Paolo:Aah...Tylor?

Taylor:Quase.Taylor. Posso falar com você?

Paolo:Claro.

Taylor:O que eu vou dizer é simples.Tente acompanhar,ok?

Paolo:(faz que "sim" com a cabeça)

Taylor:Tudo bem,olha...eu não sei como você veio parar aqui,mas eu quero que você saiba que eu e a Selena,tinhamos...algo,sabe,e agora que você está aqui,sabe você entrou na...(interrompido)

Paolo:Cama?

Taylor:Não,não era isso que eu ia dizer.Relação,você entrou no meio da relação.

Paolo:Mas a Selena me dise que era solteira.

Taylor:(ri sem graça)Você fala um pouco a nossa língua,certo?

Paolo:Si.

Taylor:Você sabe o que significa a palavra "idiota"?

Paolo:(pensa um pouco)Não.

Taylor:(ri falso)Cara,você é um idiota!O maior idiota que eu já conheci!

Paolo:(ri)Valeu,cara!

 

__________________________________________________________________________________________________________________

 

Aah outra coisa!

Eu postei um novo capitulo no meu blog Niley,passem por lá:

 

http://niley-lastsong.blogspot.com

 

 

Bjx

 

publicado por Cattniss ♥ às 22:39
link do post | favorito